Segunda-feira
17 de Junho de 2024 - 

Consulte Os Seus Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico
Usuário
Senha

Notícias

Juiz Guilherme Feliciano assume como conselheiro do CNJ

Tomou posse nesta terça-feira (6/5), no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), como representante da Justiça do Trabalho, Guilherme Guimarães Feliciano. O novo conselheiro é formado em direito pela Universidade de São Paulo (USP) e começou a atuar como juiz do trabalho em 1997. O mandato do conselheiro é de dois anos a partir da posse. Feliciano é doutor em direito penal pela USP, doutor em ciências jurídicas pela Faculdade de Direito da Universidade Clássica de Lisboa, professor associado da Faculdade de Direito da USP e leciona em duas universidades privadas. Também coordena o curso de especialização em direito do trabalho e processual do trabalho na Universidade de Taubaté (Unitau). Na solenidade de posse, Feliciano manifestou disposição para integrar as políticas em andamento e destacou quatro temas que devem orientar a sua atuação como conselheiro. “Tomo a liberdade de dizer que, talvez, se eu pudesse eleger bandeiras, seriam quatro: cidadania, saúde, educação para a pacificação social e integração do cidadão neuropergente”, discursou. Boas-vindas Solenidade de posse do juiz do Tribunal Regional do Trabalho da 15.ª Região (TRT 15), Guilherme Guimarães Feliciano no cargo de conselheiro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Foto: Luiz Silveira/Agência CNJ Ao assumir a função no CNJ, o novo conselheiro fez breve relato sobre a ocorrência de episódios na sua vida que teriam forjado a sua personalidade, como cobranças céleres e perdas prematuras. “As urgências me movem; as carências me comovem… e é com esse sentido de urgência e de humanidade que pretendo servir”, disse. O presidente do CNJ e do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luís Roberto Barroso, reforçou o compromisso do Conselho com a inclusão. “A história da civilização é a da superação dos preconceitos e do esforço de inclusão social de todos e nós trabalhamos por isso”, registrou, logo depois de citar cada uma das quatro bandeiras que o novo conselheiro enumerou. O Plenário do CNJ contou com a presença de representantes da Justiça do Trabalho durante a posse do novo conselheiro, inclusive do presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Lélio Bentes Corrêa, e do presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 15.ª Região (TRT-15), Samuel Hugo Lima. Também acompanharam a cerimônia deputados federais de São Paulo, o prefeito de Taubaté (SP), José Suad, e familiares do novo conselheiro. Texto: Luiz Cláudio Cicci Edição: Sarah Barros Agência CNJ de Notícias Número de visualizações: 41
22/05/2024 (00:00)
© 2024 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.