Terça-feira
20 de Outubro de 2020 - 

Consulte Os Seus Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico
Usuário
Senha

Notícias

Apenas 17% dos processos de 1º Grau da Justiça estadual tramitam em papel

Restam apenas 17,29% para a conclusão do trabalho de digitalização do acervo processual de 1º Grau do Poder Judiciário cearense. A expectativa é que até o final de novembro esteja 100%. Dos 1.234.601 processos que tramitam na Justiça estadual (dados até o dia 24 de setembro), 82,71% já estão digitalizados, sendo que na Capital a porcentagem é de 99,34%, e de 73,35% no Interior. Das 183 comarcas existentes atualmente no Ceará, 82 já concluíram os trabalhos, que está sendo feito pelo Núcleo de Digitalização do Fórum Clóvis Beviláqua. “As unidades que se habilitavam para participar da digitalização assumiam a etapa de higienização e cadastro de lotes. Combinamos a coleta e o trabalho foi feito em um dos polos de digitalização. Já as etapas de conferência, indexação, assinatura e importação das imagens é feita pelo sistema de TeleTrabalho”, destaca Leandro da Silva Taddeo, responsável pelo setor. Além de proporcionar maior celeridade ao andamento processual, a digitalização permite que os processos possam ser acessados por advogados e partes de qualquer lugar e em qualquer horário, “garantindo maior rapidez na prestação jurisdicional”, destaca Denise Olsen, secretária da Tecnologia da Informação do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). A utilização dos processos por meio digital também promove a redução de gastos com material físico, em especial com folhas de papel, o que representa um ganho para o meio ambiente. “Também proporciona redução de espaço físico no ambiente de trabalho, de poeira e melhoria na qualidade do local de trabalho de servidores e magistrados”, explica a secretária.
29/09/2020 (00:00)
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.